terça-feira, 11 de agosto de 2015

Di María chega ao PSG querendo ganhar a Champions e apagar o rótulo de 'fominha'

O PSG desembolsou  € 63 milhões para tirar Ángel Di María do Manchester United. Maior nome na janela de transferências na Europa até agora, o argentino, de quebra, se tornou o jogador que mais movimentou dinheiro em negociações na história do futebol mundial (€ 179 milhões em transferências envolvendo Rosário Central, Benfica, Real Madrid, Manchester United e PSG). Mesmo assim, o craque precisará apagar a má impressão e o rótulo de "fominha" deixado na Inglaterra.

Quando Di María deixou o Real Madrid na temporada passada, muitos achavam que o meia sairia da sombra de Cristiano Ronaldo para se tornar "o cara" dos diabos vermelhos. Isso não aconteceu. Após o começo promissor, o canhoto caiu de produção, exagerando no individualismo. O próprio Louis van Gaal, treinador do United, declarou publicamente que o jogador "não gostava de passar bola para os companheiros". O clima não era bom para o camisa 7 em Old Trafford e a transferência para a o PSG acabou sendo comemorado por ambas as partes.

Di María é indiscutivelmente um dos melhores jogadores da atualidade. Desta vez, atuando em um time mais pronto e maduro, o novo camisa 11 terá a chance de repetir as atuação de Real Madrid e Seleção Argentina. Isso seria um trunfo para o PSG conseguir chegar a uma sonhada final de Champions League. Agora, é melhor que o argentino comece a largar a bola com mais frequência. Entrar em conflito com Ibrahimovic não seria nada inteligente.

0 comentários:

Postar um comentário