874

   

terça-feira, 9 de julho de 2013

Libertadores 2013: Cuca e Atlético Mineiro querem afastar a fama de "amarelão"

Agora vai, Cuca?
O técnico Cuca e o Atlético Mineiro possuem histórias recentes bem similares. Ambos fazem boas campanhas, lideram a competição, são apontados como favoritos, mas, na hora decisiva, acabam perdendo o título. Este ano pareceria que o final seria diferente. Com a melhor campanha da Libertadores 2013 e jogando um futebol de alta qualidade, o Galo vinha liquidando um por um dos seus adversários. Foi então que surgiu o Newell's Old Boys. Na primeira partida da semifinal, os argentinos venceram em casa por 2x0 e complicaram a vida dos mineiros.

Sem dúvida o Atlético Mineiro é o melhor time deste ano na Libertadores. Mostrou isso dentro de campo. Mas, em confrontos de mata-mata, tudo pode acontecer. Certamente os argentinos virão preparados para uma guerra. E, é exatamente isso que o Galo precisa evitar. Tem jogadores técnicos e talentosos, que precisam estar somente preocupados em jogar futebol. A fanática torcida atleticana vai lotar o Estádio Independência e “empurrará” o time o tempo todo. Aliás, neste local, os mineiros sustentam uma invencibilidade de 37 partidas.

Para que o Galo passe à final do torneio será preciso que os melhores jogadores façam a diferença. É o jogo para Ronaldinho, Tardelli, Bernard e Jô aparecerem. O badalado quarteto da frente é o trunfo atleticano. O Newell's Old Boys é um time enjoado, possui jogadores experientes e se defende bem. Nada está definido. Agora, que é uma grande chance para Cuca e seus comandados mudarem a história perdedora recente do clube, isso não há dúvidas. Não é todo dia que você chega a uma semifinal de Libertadores, ainda mais com tantos talentos no elenco.

0 comentários:

Postar um comentário

Anúncio